Bebê mamando

Dicas de alimentação para quem está amamentando

Durante os primeiros meses do bebê, a amamentação é um ponto fundamental. É através do leite materno que a criança recebe todos os nutrientes que precisa para se desenvolver e recebe também os anticorpos que vão protegê-lo de várias doenças. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o leite é o único alimento de que o bebê precisa até os 6 meses, mas a amamentação deve continuar mesmo após esse período, quando outros alimentos começam a ser introduzidos na dieta.

Para que o leite produzido forneça tudo aquilo que o bebê necessita, é indispensável que a mãe tenha uma alimentação adequada, mas, diferente do que muita gente acredita, não há motivo para comer em excesso. As refeições devem ter o tamanho ideal para satisfazer o apetite da mãe e precisam ser nutricionalmente ricas. A seguir, confira o que deve ser observado nesse período.

  • Frutas, verduras e folhas devem ser presença constante no cardápio de quem amamenta. Essa é a melhor maneira de garantir que a necessidade de vitaminais, minerais e fibras seja suprida.
  • Cereais, massas e leguminosas são fontes de carboidrato, necessários para a produção de leite. Portanto, o consumo de alimentos como arroz, batata e pão integral não deve ser abolido, mas limitado a pequenas porções.
  • Alimentos ricos em cálcio também são de grande importância, pois contribuem para manter a saúde óssea da mãe e para formar a do bebê. Leite e seus derivados, como iogurte e queijo, são as opções mais frequentes, mas o cálcio também pode ser encontrado em grãos como aveia e gergelim.
  • As “gorduras boas” precisam estar presentes no prato da mamãe lactente, pois elas são de extrema importância no desenvolvimento neurológico da criança. Os famosos ômega 3 e ômega 6 desempenham muito bem essa função, e podem ser obtidos através do consumo de peixes como atum, salmão e sardinha. Também podem ser encontrados em menor quantidade no azeite de oliva, no óleo de linhaça, em vegetais como a rúcula e o brócolis e em oleaginosas, como nozes e castanha-do-pará.
  • Carne, peixe e ovos, de maneira geral, são indispensáveis na dieta da mãe durante a fase de amamentação, porque fornecem proteínas.

As mamães também precisam ter em mente que não se pode fazer dietas com o objetivo de perder peso enquanto o bebê ainda mama. A própria atividade de amamentar já consome calorias, e é natural que ocorra um emagrecimento gradual da mãe ao longo desse período. A ingestão de pelo menos 2 litros de água por dia também é um ponto fundamental, afinal a água é indispensável na produção do leite materno.

Com a adoção dessas dicas e a orientação do médico ou nutricionista sempre que necessário, a mamãe pode ficar tranquila. Vale lembrar que todos esses alimentos são encontrados com qualidade no Mercado do Rio Vermelho.